Ocorrida nesta ultima sexta-feira(07/05), as eleições do Sindicato dos Servidores Públicos de Presidente Jânio Quadros e Maetinga foram marcadas por polêmicas.

Opositores ao atual Presidente da entidade, Marcos Neri, reclamam de atitudes do gestor que teriam cerceado a participação de uma segunda chapa no processo eleitoral. Apenas uma chapa chegou constar das cédulas de votação, a chapa1, encabeçada por Marcos Neri. Apuradas as urnas por volta das 18:00h, a chapa1 obteve 38,75, (31) votos, brancos/nulos somaram 60%, (48) votos. Um único voto foi descartado por imprecisão. O comparecimento foi de 80 eleitores.
Celso Teixeira, líder de chapa de oposição à Marcos Neri, reclama de que o Presidente forneceu para o grupo uma cópia inválida do estatuto do sindicato vindo a prejudica-los na formação da chapa, pois não conseguiram atender os requisitos para o registro, uma vez que não tiveram o direito de acesso ao estatuto vigente com as regras para composição da chapa. Ele chegou a divulgar nas redes sociais um vídeo onde reclama da postura de Marcos Neri  incentivando o voto em branco. Veja o clicando aqui
Para Maicon Almeida, também oposicionista, “o resultado acachapante com maioria expressiva de votos em branco/nulo, revela o quão importante era para Marcos Neri inviabilizar a participação de nossa chapa nas eleições”, afirmou. Maicon não descarta acionar a Justiça afim de anular o pleito.
Fizemos contato com Marcos Neri que não retornou até o termino desta matéria.