Dois candidatos à Câmara Municipal de Presidente Jânio Quadros aparecem na lista. Um deles é MARCOS SOUSA MEIRA (PL) que declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um patrimônio de R$ 727 mil. O segundo que aparece na lista é ANDRÉ LUIZ NOVAIS MEIRA (PL), com um patrimônio declarado de R$ 323 mil.

O Tribunal de Contas da União (TCU) divulgou na sexta-feira (6) uma lista com 610 nomes de candidatos a vereador, vice-prefeito ou prefeito nas eleições deste ano, na Bahia, que receberam auxílio emergencial e declararam patrimônio acima de R$ 300 mil.

A lista com os nomes de todos os candidatos está disponível no site do TCU.

O TCU destacou que o patrimônio declarado acima de R$ 300 mil é um indicativo de que os candidatos não se encaixavam nas regras para receber o benefício.

O despacho do ministro do TCU, Bruno Dantas, que é o relator da ação, diz que, no país, 10.724 mil candidatos aparecem na lista, que cruzou informações do INSS e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além disso, foi constatado que 1.320 candidatos cujo patrimônio soma mais de R$ 1 milhão foram agraciados com o benefício.

O TCU ainda informou que os resultados do cruzamento são apenas indícios de renda incompatível com o auxílio, já que há risco de erro de preenchimento pelo candidato, risco de fraudes estruturadas com dados de terceiros, entre outras possibilidades. O tribunal acrescenta que somente o Ministério da Cidadania poderá confirmar se o pagamento é indevido e somente o TSE poderá confirmar eventuais crimes eleitorais.